julho

O Projeto Social Integrar Arte e Vida, realizado pela ANE, Associação Nacional de Esportes, volta às atividades em todos os núcleos, nesta segunda-feira, 1 de agosto, após período de férias escolares.
Criado em 2007, atualmente, o projeto atua em 16 núcleos distribuídos nos municípios de Santos, Cubatão e Guarujá, na Baixada Santista; São Caetano, Mauá e Paulínia, no Estado de São Paulo, Betim, em Minas Gerais e Canoas no Rio Grande do Sul.
O Integrar oferece oficinas artísticas e culturais gratuitas aos alunos das escolas municipais conveniadas, sempre no contra turno escolar, estabelecendo um modelo similar ao da escola em tempo integral sem ônus para as prefeituras.
Os recursos que mantém a iniciativa são provenientes da Lei Federal do Incentivo ao Esporte, da Lei Paulista do Incentivo ao Esporte, no caso do Estado de São Paulo, e de contrapartidas do ICMS.
Considerado como referência em gestão de projetos sociais, o Arte e Vida foi indicado pelo Ministério das Relações Exteriores para concorrer ao prêmio Unesco Hamdan representando o Brasil. Segundo o site da UNESCO, o prêmio é entregue a cada dois anos em reconhecimento a iniciativas que contribuem com o aprimoramento das práticas educacionais em todo o mundo, e dá prioridade aos países em desenvolvimento e às comunidades marginalizadas ou desfavorecidas. O patrocínio é do Xeque Hamdan Bin Rashid Al-Maktum, dos Emirados Árabes Unidos, que premiará três projetos. A cerimônia de será em Paris no dia 5 de outubro.
Os patrocinadores do Integrar são Cutrale, Ipiranga Derivados de Petróleo, Net Educação, JSL, Eurofarma, Oxiteno, Vale Fertilizantes, Ultracargo e Usiminas.

28 de julho de 2016
11026220_630767643690031_8881800960893894523_n (1)

Projeto Integrar Arte e Vida retoma atividades em agosto

O Projeto Social Integrar Arte e Vida, realizado pela ANE, Associação Nacional de Esportes, volta às atividades em todos os núcleos, nesta segunda-feira, 1 de agosto, […]