Integrar Arte e Vida na Vila dos Pescadores entregou alimentos para 45 famílias

Nesta segunda (26), 45 famílias de alunos das aulas de caratê e dança, que mais necessitavam, do Núcleo Vila dos Pescadores, do Projeto Integrar Arte e Vida, receberam kit’s de alimentação com arroz, feijão, macarrão e leite em pó. A ação foi realizada por se tratar de um local com muitas pessoas carentes. A retirada foi feita pelos responsáveis das crianças na Associação de Melhoramentos, onde ocorrem as aulas.

Diana Gonçalves Silva é mãe da Heloísa, que faz aulas de ballet, e comentou sobre a ação. “ Agradeço a todos desse Projeto, é muito importante para minha filha. Aqui não temos muitas opções para as crianças, ela está feliz e pode aprender sem ter que pagar nada. Esses alimentos que recebemos hoje vão ajudar muito na minha casa”.

Para Leidiane Maria de Souza, avó do Felipe José de Souza, aluno do caratê, a ajuda veio em boa hora. “A mãe do Felipe tem quatro filhos, e os cria sozinha, hoje no armário só tinha um pacote de macarrão e mais nada. Nos ajoelhamos e agrademos a Deus pelo kit que foi entregue hoje. Esse Projeto é maravilhoso, além de tirar as crianças da rua, ainda ajuda com alimento.

A Vila dos Pescadores é bairro erguido em uma área de mangue entre a Rodovia Anchieta e o Rio Casqueiro, em Cubatão. É uma das maiores comunidades da Baixada Santista, onde centenas de pessoas que vivem da pesca, retirando a sobrevivência do estuário, no local moram mais de 9 mil pessoas.

A Associação Nacional de Esportes (ANE), desenvolve o Projeto Integrar Arte e Vida no local, atendendo 120 crianças, de cinco a 17 anos, nas aulas de caratê e dança. Neste núcleo o patrocínio é da CMOC Brasil, com base na Lei Federal do Incentivo ao Esporte, através da Secretaria Especial do Esporte do Governo Federal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *